Ivan – Obra Nossa Senhora das Candeias

Caros sócios e amigos

No dia 25 de setembro fomos entregar, em nome da ACLIS, uma cadeira de rodas ao Ivan, que há muito ansiava pela mesma. É uma cadeira com caraterísticas específicas, para lhe dar mais conforto e mobilidade.

DSCF6295

O Ivan é um jovem nascido em 1996, que foi acolhido no Lar Nossa Senhora das Candeias em julho de 1997, na sequência de um pedido de acolhimento feito pelo Centro Distrital da Segurança Social do Porto e de decisão judicial proferida no âmbito de processo tutelar.
O Ivan tem uma doença do sistema nervoso central, apresentando um grande défice cognitivo e motor, deslocando-se em cadeira de rodas e necessitando de ajuda direta ou supervisão na execução das atividades da vida diária.
Apesar destas limitações, o Ivan gosta muito de se deslocar e interagir com os outros. É um jovem interessado e motivado pelas atividades desenvolvidas, gosta de ouvir música e ver filmes, principalmente documentários que abordem o tema “viagens”. Comunica através de uma tabela de comunicação alternativa (com símbolos), bem como com o programa vox4all no tablet.
Desde que foi acolhido, a Obra sempre lhe dedicou um cuidado e acompanhamento muito próximo de que tanto necessita.

DSCF6294

Notas sobre a Obra da Nossa Senhora das Candeias

A Obra de Nossa Senhora das Candeias (ONSC) é uma instituição particular de solidariedade social e que tem como objetivo acolher, apoiar, educar e formar crianças e jovens de ambos os sexos em situação de perigo, de forma a possibilitar a sua integração plena na sociedade. No âmbito de apoio à família presta serviços educativos direcionados à formação e desenvolvimento de crianças e jovens.
A Obra de Nossa Senhora das Candeias pretende que estas crianças e jovens vivam e se desenvolvam de uma forma global num ambiente familiar, para que no futuro possam regressar às suas famílias biológicas ou se autonomizem com integração na sociedade. Adicionalmente pretende ainda criar meios de apoio para as pessoas que não possuam suporte familiar ou com debilidade mental. Na prestação de serviços educativos, a Obra pretende ser um apoio à família de excelência e qualidade.
A Obra de Nossa Senhora das Candeias nasceu na cidade do Porto, em 1958, com o objetivo inicial de apoiar jovens estudantes, inicialmente apenas do sexo feminino, que se deslocavam para a cidade a fim de continuar a sua formação académica e que, por falta de meios, se encontravam entregues a si próprias e por vezes mesmo em situações de perigo. Mais tarde, surgiram pedidos insistentes para acolhimento de crianças carenciadas/desprovidas de meio familiar funcional, principal vertente da sua atual atividade.
Até 1973 a Obra viveu do património e dos vencimentos das suas responsáveis e dos donativos dos amigos. A partir desse ano começou a receber alguns subsídios da Segurança Social, não podendo ainda assim prescindir das fontes de receita anteriores para desenvolver a sua missão com qualidade.
Característica específica no seu modo de estar na sociedade são a constituição de Núcleos Familiares – pequenas células de vida organizadas sob o modelo familiar, lugar onde se criam “laços” entre quantos neles se acolhem mutuamente: crianças e jovens de ambos os sexos e idades heterogéneas, adultos responsáveis que àqueles dedicaram suas vidas, outros voluntários, jovens deficientes ainda carecidos de uma continuidade de apoio e também jovens que cresceram no núcleo familiar e que estão agora em fase final de preparação para a sua vida ativa de forma autónoma. Alguns Núcleos Familiares da Obra integram os Lares de Infância e Juventude, resposta social desenvolvida no âmbito de acordo de cooperação celebrado com a Segurança Social já desde 1982.
Para além desta principal atividade, a obra dedica-se ainda a outras respostas sociais na área da infância e juventude como creche, jardim-de-infância e apoio ao estudo.